Novo capítulo da série documental ‘A Tirania da Minúscula Coroa: Covid-19’ fala com roqueiros nacionais

O décimo capítulo da série documental brasileira A Tirania da Minúscula Coroa: Covid-19, que aborda diversas facetas da pandemia do novo coronavírus, mostra o impacto da paralisação dos shows no cenário do rock e do metal nacional.

O rock põe o pé na porta das lives e faz barulho na quarentena

O documentário ouviu músicos como Andreas Kisser, guitarrista do Sepultura, Felipe Andreoli, baixista do Angra, Alírio Netto, vocalista do Shaman e Aquiles Priester, baterista conhecido pelo seu trabalho no Angra, entre outros importantes artistas.

Sepultura anuncia projeto semanal de lives chamado SepulQuarta; assista

O episódio mostra também a luta dos profissionais da área técnica dos shows por auxílio por parte das autoridades, mostrando o protesto que a classe fez em frente à Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo).

Técnicos de som, luz e imagem de eventos se manifestam em SP por protocolos  para volta ao trabalho | São Paulo | G1

O documentário destaca ainda a forma como as bandas tiveram de se reinventar, partindo para as transmissões ao vivo pela internet, para conseguir se manter em atividade.

A série A Tirania da Minúscula Coroa: Covid-19 conta também com outros episódios já disponíveis no YouTube, sobre o impacto da pandemia nos esportes, na política e em outras áreas.

Fonte: www.terra.com.br