“Ele está indo bem”, disse Ellefson sobre o estado de saúde do vocalista.

Dave Mustaine, vocalista do Megadeth, anunciou em junho deste ano, nas redes sociais, o diagnóstico de câncer na garganta. Desde então, o artista de 58 anos divulgou apenas uma atualização afirmando que os médicos “estão se sentindo muito positivos” em relação ao progresso de seu tratamento.

Apesar da maior parte da turnê da banda, anunciada em 2019, ter sido cancelada, o Megacruise, cruzeiro organizado pelo grupo, ainda acontecerá entre os dias 13 e 19 de outubro.
David Ellefson, baixista e cofundador do Megadeth, revelou, durante uma entrevista com a Barstool Rockers, o estado de Mustaine: “Ele está indo bem. Obviamente, é cansativo passar pelos tratamentos mas, como ele disse em seu anúncio, é algo que precisa ser enfrentado de frente. Então ele está fazendo isso agora.”

O músico também falou sobre a importância do novo álbum no qual a banda está trabalhando: “Acho que ter o álbum do Megadeth na nossa frente para ser trabalhado é realmente bom para Dave, eu acho. Ele é um cara criativo. A criatividade nos impressiona em momentos diferentes. Acredito que, quando você passa por esse tipo de momento em sua vida, acho que para todos nós da banda, e para Dave, é legal que também tenhamos um novo esforço criativo com o novo disco para trabalhar nisso. É uma espécie de coisa pela qual sempre estamos ansiosos. ”
No início de setembro, Ellefson falou ao Trunk Nation que ainda não há uma decisão oficial em relação à participação de Mustaine no Megacruise. Segundo o músico, ele próprio, assim como o guitarrista Kiko Loureiro e o baterista Dirk Verbeuren certamente estarão lá. Ele acrescentou: “Nós estamos esperando que Dave esteja bom o suficiente para estar lá e ser parte disso. A saúde dele é a prioridade número um.”

Dave Mustaine e David Ellefson são os únicos membros originais do Megadeth, formada em 1983 após a saída de Mustaine do Metallica.
Fonte: Revista Rolling Stone Brasil

Ouça e curta a 91 ROCK