Há 50 anos, o sucesso de Johnny Cash at Folsom Prison garantia ao astro country o posto de um dos melhores músicos da história.

Há 50 anos, Johnny Cash saía de um dos pontos mais baixos de sua vida personal e de sua já-lendária carreira no country. Com o eletrizante disco ao vivo Johnny Cash at Folsom Prison e uma série de TV inovadora no horizonte, Cash estava prestes a se torcar um ícone da música.

No dia 11 de novembro, o YouTube Originals lançará o documentário The Gift: The Journey of Johnny Cash(O Dom: A Jornada de Johnny Cash em tradução livre), um retrato emocionante do Homem de Preto, cuja personalidade e vias artísticas ousadas foram moldadas por profunda espiritualidade e tragédias.
Encabeçado pelo vencedor do Emmy e Grammy Thom Zimny (Elvis Presley: The SearcherSpringsteen na Broadway), o filme de 90 minutos conta com muito material de arquivos recém-descoberto e também entrevistas com familiares, assim como muitos dos colaboradores musicais de Cash e amigos do músico, inclusive o também membro do Hall da Fama do Country Emmylou Harris, que disse “ele tinha uma mensagem, e essa mensagem era a verdade sobre sobreviver nesse mundo.”

Cash, cujo legado foi explorado extensamente na série Country Music de Ken Burns, morreu em 2003 aos 71 anos. Dois anos depois, foi o assunto de Walk the Line, ganhador do Oscar.

The Gift: The Journey of Johnny Cash, lançado em março no SXSW Film Festival e com reestreia no Telluride Film Festival, vai estar nas telonas durante o 50th Annual Nashville Film Festival nesta segunda, 7. Também contará com uma composição original escrita e tocada pelo guitarrista doPearl JamMike McCready. 
YouTube Originals, que dá ênfase a youtubers e também estrelas de Hollywood, oferece diversas séries, roteirizadas ou não, para usuários de todo o mundo. The Gift: The Journey of Johnny Cash será disponibilizado gratuitamente no YouTube a partir da segunda, 11 de novembro.

Fonte: Site Revista Rolling Stone Brasil

Ouça e curta a 91 ROCK