Pearl Jam

Uma das poucas bandas remanescentes do grunge, o Pearl Jam lançou em 2011 o documentário Twenty, com direção de Cameron Crowe, que relata toda a trajetória do grupo e do movimento que estourou em Seattle no início dos anos 1990. O Pearl Jam, além de precursor do movimento grunge, já foi banda de apoio de Neil Young em seu álbum Mirror Ball.

Jeff Ament e Stone Grossard começaram o embrião do Pearl Jam tocando em diversas bandas de Seattle nos anos 80. Com o fim da Green River, a dupla se uniu a Andrew Wood, e montaram o Mother Love Bone, que foi o primeiro grupo da cidade a ter contrato com uma grande gravadora. Com a morte prematura de Wood, foram atras de membros para uma nova banda. Ao encontrarem Eddie Vedder, estava formado o Pearl Jam.

O sucesso do Pearl Jam veio logo em seu primeiro disco, Ten. O título, inspirado no número da camisa do jogador de basquete Mookie Baylock, foi sugestão de Eddie Vedder, que antes de entrar na banda praticava o esporte, quase tendo se tornado um profissional. O álbum permaneceu mais de dois anos na lista de mais vendidos, chegando a marca de 13 milhões de discos.

Em junho de 2000, uma tragédia marcou a história do Pearl Jam. Enquanto o grupo tocava no festival Roskilde, na Dinamarca, nove fãs morreram pisoteados e sufocados pela multidão. A banda foi inicialmente culpada pelo acidente, mas depois foi considerada inocente. O Pearl Jam cogitou encerrar as atividades, mas dois meses depois voltou a estrada.

O Pearl Jam decidiu gravar profissionalmente cada um dos shows da turnê do disco Binaural, após notarem a popularidade de gravações piratas e o interesse dos fãs em possuírem uma cópia dos shows em que estiveram. O Pearl Jam lançou 72 álbuns ao vivo entre 2000 e 2001, definindo um recorde de mais álbuns a estrearem na lista da Billboard ao mesmo tempo.

Pela sua carreira o Pearl Jam tem promovido amplas causas sociais e politicas, desde sentimentos de pró-escolha até oposição à presidência de George W. Bush. Vedder age como porta-voz da banda nessas situações.

O grupo já promoveu um conjunto de causas, incluindo a conscientização sobre a Doença de Crohn, doença que afeta o guitarrista Mike McCready, o monopólio da Ticketmaster, além da proteção ao meio-ambiente e à vida selvagem.

Por se opor a Ticketmaster, por alguns anos, a banda assumiu a produção e venda de ingressos de todos os seus shows, coisa que muitos consideravam loucura.

 

Discografia:

Álbuns de estúdio:

1991 – Ten
1993 – Vs.
1994 – Vitalogy
1996 – No Code
1998 – Yeld
2000 – Binaural
2002 – Riot Act
2006 – Pearl Jam
2009 – Backspacer
2013 – Lightning Bolt (2013)

 

Compilações:

2003 – Lost Dogs 
2004 – Rearviewmirror: Greatest Hits 1991-2003

EPs:

1995 – Merkin Ball