The Mission

O grupo britânico The Mission foi formado em 1986, por dois ex-integrantes de outro importante grupo do Rock Gótico, o The Sisters Of Mercy. O cantor Wayne Hussey e o baixista Craig Adams uniram forças e se juntaram com o baterista Mick Brown e o guitarrista Simon Hinkler, e no final de 86, o quarteto colocou no mercado seu álbum de estréia, God’s Own Medicine. Dois meses depois, foi lançado The First Chapter, uma compilação de músicas retiradas de seus singles, que vinha com covers de artistas como Beatles, Patti Smith e Neil Young. No começo de carreira, o The Mission fez diversos shows ao lado do The Cult.

O segundo trabalho do The Mission, Children, foi lançado em 1988. O disco contou com a produção do ex-baixista do Led Zeppelin, John Paul Jones, e teve como destaques os singles Tower of Strength e Beyond The Pale, além da versão de Dream On , do Aerosmith. O disco teve boas vendagens, e no restante do ano o grupo permaneceu em turnê, que chegou a passar pelo Brasil. As apresentações foram registradas e foram lançadas em um VHS chamado South America, disponível apenas para membros do fã clube da banda. A apresentação antológica do The Mission no Canecão, Rio de Janeiro, foi transmitida pelo extinto canal de Tv Manchete.

Em 1989, o The Mission começou as gravações de mais um disco de estúdio. As sessões renderam material suficiente para dois álbuns, então primeiro foi lançado em fevereiro Carved In Sand, e alguns meses mais tarde, Grains Of Sand. O primeiro veio apenas com músicas inéditas, e o segundo incluía também algumas versões de nomes como The Kinks e John Lennon. Durante as gravações, a banda encontrou tempo para fazer alguns shows com o nome fictício The Metal Gurus, onde tocavam apenas covers, de bandas como Sweet, Roxy Music e T. Rex. A apresentação no Aston Villa, em dezembro de 89, foi incluída posteriormente como material bônus no relançamento de Carved In Stone, em 2008.

O mais recente disco do The Mission é “The Brightest Light”, Che chegou as lojas em setembro de 2013. O registro conta com guitarras mais pesadas que os álbuns clássicos do grupo, e marca a estréia em estúdio do baterista Mike Kelly. A idéia inicial do The Mission era se reunir para celebrar seus 25 anos de carreira, mas o membro original Mick Brown recusou o convite, abrindo lugar para Kelly. Ele está no grupo há quatro anos e participou da turnê com o The Cult, banda com a qual o The Mission já havia tocado no início da carreira. O disco também o primeiro a reunir três integrantes originais da banda desde Grains Of Sand, de 1990.

No início da década de 90, o The Mission sofreu com problemas internas, que culminaram na saída do guitarrista Simon Hinkler e do baixista Craig Adams. Durante a década de 90, o grupo lançou diversos trabalhos de qualidade, porém sem repetir o mesmo sucesso atingido pela banda na década anterior. A banda encerrou as atividades em 96, mas três anos depois, Way Hussey a reformou e pegou a estrada ao lado do Gene Loves Jezebel. Com a chegada dos 25 anos de fundação da banda, Hussey decidiu chamar os membros originais para as comemorações, sendo que apenas o baterista Mick Brown recusou. Desde então, o The Mission permanece com a mesma formação, e seu último álbum de estúdio, The Brightest Light, foi lançado ano passado.